Qual o Melhor Material de Papel de Parede

13/02/2019 20:13

Papel de Parede

Papel de Parede é uma das formas mais antigas de decorar. Especula-se que este artefato decorativo surgiu por volta de 200 anos antes de cristo, na china, sendo feito naquela época de forma rudimentar utilizando papel de arroz, sem estampas e sem efeito decorativo. Algum tempo depois começaram a surgir cores e estampas sendo feitas à mão por artesãos em pergaminho vegetal. Para agilizar o processo de produção criaram-se carimbos de madeira que funcionavam como o próprio nome sugere.

Material de difícil acesso, produção manufaturada e com custos elevados era encontrado somente nos palacetes de mandarins e ricos comerciantes. Alguns séculos depois a Europa conheceu este material através de comerciantes árabes que aprenderam a produção com a china, substituindo então as tapeçarias por este moderno item decorativo.

No Brasil o papel de parede apareceu com a colonização européia no século XIV e era muito pouco usado devido ao custo elevado, sendo esquecido por décadas, até 1960. Nesta data, com a modernização da indústria e a baixa nos custos, este revestimento tornou-se popular nas casas brasileiras. Hoje em dia com as tecnologias avançadas do século XXI, são encontrados papéis de parede confeccionados em diversos materiais de diferentes, cada um com suas particularidades. Mas qual deles é melhor? Será que podemos classificar?

#1 - Papel de Parede Vinílico

Este tipo de papel de parede tem sua base composta por celulose e é impresso com tinta vinílica. Além disso recebe uma camada de PVC sobre esta última, sendo assim, este tipo de papel de parede pode ser lavado com pano ou esponja úmida e sabão/detergente neutro, nunca podendo ser esfregado. Essa característica deixa este tipo de papel de parede mais resistente a luz e calor, sendo assim mais durável.

Outra característica marcante é que os papéis de parede vinílicos são mais grossos e possuem textura, sendo este o principal aspecto visível que diferencia este do papel de parede vinilizado. Por sua composição ser basicamente papel, este é um produto ecologicamente correto, totalmente reciclável e de simples remoção, tornando esse tipo de revestimento facilmente mutável.

Pode ser usado em todos ambientes, inclusives os úmidos, como cozinhas, banheiros e lavanderias. Lembrando que o uso em locais externos pode diminuir a vida útil do seu papel de parede.A aplicação é feita com cola própria a base de água. Compre Papel de Parede Vinílico

#2 - Papel de Parede Vinilizado

Assim como o vinílico o papel de parede vinilizado também é composto por celulose em sua base. O que diferencia este do anterior é que o vinilizado não possui aquela camada de PVC sobre a impressão, se tornando, desta forma, um produto mais fragilizado. Alguns fabricantes usam verniz para acabamento, no entanto, este não tem o mesmo efeito do PVC.

Como já citado no item anterior, outra característica que diferencia os dois é a textura. Neste caso o papel é liso, sem textura e possui espessura menor. Este tipo de papel de parede não é lavável, podendo apenas ser limpo com pano seco, aspirador ou espanador para retirada do pó. Pano úmido irá desbotar e descolar o papel. Sendo assim, a vida útil deste é, em média, menor que do produto vinílico.

Outros aspectos que não mudam entre os dois são, o fato de ser ecologicamente correto, reciclável, de fácil extração e a utilização de cola própria a base de água.No entanto, o papel de parede vinilizado é indicado apenas para ambientes secos, como salas, quartos, corredores e closets.

#3 - Papel de Parede Adesivo

Também chamado de contact e discriminado como não sendo papel de parede, este produto novo e revolucionário é assim chamado pelo efeito após aplicado, que é exatamente igual a um papel de parede a base de celulose, no entanto, trata-se de um adesivo de parede.

Diferente dos modelos tradicionais mais antigos, este produto é confeccionado em vinil adesivo, um material sintético com textura plástica (PVC) que tem características tanto do papel de parede vinílico como do vinilizado.Produzido através do processo de impressão digital, possui espessura mais fina e acabamento liso, sem textura, assim como no papel vinilizado. Após aplicado, este produto pode ser limpo com pano e esponja úmida, sem esfregar, assim como nos modelos vinílicos.

Para sua aplicação não utiliza-se cola pois, o mesmo já tem cola por se tratar de um adesivo, então basta aplicar. Os cuidados com encaixe a aplicação são os mesmos dos papéis de parede convencionais, assim como sua remoção, que também é descomplicada. Lembrando que é de extrema importância que a superfície onde vai ser aplicado o papel de parede adesivo, seja lisa, limpa e com acabamento ( pintada ). Não aplique diretamente sobre gesso, massa corrida ou reboco. Podem ser usados em todos ambientes e também em outras superfícies além de paredes, como móveis, portas e azulejos, por exemplo. Compre Papel de Parede Adesivo

#4 - Papel de Parede Tecido

Papel de Parede Tecido ou TNT ( tecido-não-tecido) é um tipo de revestimento fabricado com a mistura de fibras de celulose e têxtil, oferecendo um acabamento com textura de tecido. Esta mistura em sua composição permite a aplicação em ambientes secos ou úmidos, sendo assim, são laváveis, podendo ser limpos com pano ou esponja macia molhadas e sabão neutro, sem esfregar.

A característica que mais chama atenção neste tipo de papel de parede é que o mesmo pode ser reaproveitado em outro local, sendo retirado com cuidado pode ser deslocado por inteiro.

Conclusão

Analisando todas opções que o mercado nos proporciona eu diria que temos sorte por poder escolher entre tantas tecnologias, não podendo aqui classificá-las, dizendo que uma é melhor que a outra. Cada tipo de papel de parede tem a sua característica de destaque e o melhor é aquele que se adequa à sua necessidade.

Considerando fator ambiente, o papel de parede vinílico que é um dos mais caros, nem sempre é o melhor, se você vai usar em um ambiente seco, o vinilizado ou adesivo que são mais baratos irão te atender sem pesar no seu orçamento. Mas se procura um papel mais robusto com textura e o seu orçamento não é limitado, o vinílico será a sua melhor opção. Analise todas as características, custos, estampas e o local a ser aplicado para decidir qual dos produtos será melhor para seu caso específico.